Archipo.Wilson. Tecnologia do Blogger.

sábado, março 10, 2007

Todas as fotos da Siri no Paparazzo.

Inclusive as fotos SÓ PARA ASSINANTES (que são as melhores, óbvio)
Di grátis aqui no Diário do Archipo

COLEGUINHA

Para os punheteiros de plantão:

A coleguinha mais apetitosa do Caldeirão do Huck!

As Mulheres

Este texto é híbrido. Tem partes escritas por Arnaldo.
Em tempo, concordo em gênero e “número igual” (como um aluno meu escreveu) com as duas dúzias de motivos, elencados por Jabor, por que amamos as mulheres.

Tudo que o homem faz, tudo, é com um único objetivo: “cumemuié.”

O cara faz um esforço desgraçado para ficar rico, pra quê? O sujeito quer ficar famoso, pra quê? O indivíduo malha, faz exercícios, pra quê? Mulher!
Pode ser até a própria. Mas a verdade, é que a mulher é o objetivo do homem.
O pavão também é assim. Os animais são assim. Os bichos só pensam nisto. Já as bichas, pra “cumeomi.”

As mulheres, antigamente, ficavam trancadas dentro de casa e se tratavam e ficavam bonitas apenas para os seus homens. Aí começaram a dar liberdade pras danadas e deu no que deu. O mundo ganhou vida, além da beleza, é claro. Pode continuar a ler minha querida, que as barbaridades vão parar por aqui. Pode parar de me achar machista, machão ou coisa parecida. Tudo que eu quis dizer, é que o homem vive em função de você!

Vivem e pensam em você o dia inteiro, a vida inteira!

Se você, mulher, não existisse, o mundo não teria ido pra frente.
Homem algum iria fazer alguma coisa na vida para impressionar outro homem, para conquistar um sujeito igual a ele, de bigode e tudo. Um mundo só de homens, seria o grande erro da criação.

Já dizia a velha frase que “atrás de todo homem bem-sucedido existe uma grande mulher”. O dito está envelhecido. Hoje eu diria que “na frente de todo homem bem-sucedido existe uma grande mulher”.

É você, mulher, quem impulsiona o mundo. É você quem tem o poder, e não o homem! É você quem decide a compra do apartamento, a cor do carro, o filme a ser visto, o local das férias. Bendita a hora em que você saiu da cozinha e, bem-sucedida, ficou na frente de todos os homens.

E, se você que está lendo isto aqui for um homem, tente imaginar a sua vida sem nenhuma mulher. Aí na sua casa, onde você trabalha, na rua, nas telenovelas... só homens. Já pensou? Filmes só com homens?

Romance sem uma Capitu ou uma Madame Bovary? Um casamento sem noiva?
Um mundo sem cinturas e saboneteiras? Um mundo sem sogras? Enfim, um mundo sem metas, ou melhor, um mundo sem cor de rosa.

ALGUNS MOTIVOS PELOS QUAIS OS HOMENS GOSTAM TANTO DE MULHERES:

1- O cheirinho delas é sempre gostoso, mesmo que seja só xampu.
2- O jeitinho que elas têm de sempre encontrar o lugarzinho certo em nosso ombro.
3- A facilidade com a qual cabem em nossos braços.
4- O jeito que tem de nos beijar e, de repente, fazer o mundo ficar perfeito.
5- Como são encantadoras quando comem.
6- Elas levam horas para se vestir, mas no final vale a pena.
7- Porque estão sempre quentinhas, mesmo que esteja fazendo trinta graus abaixo de zero lá fora.
8- Como sempre ficam bonitas, mesmo de jeans com camiseta e rabo-de-cavalo.
9- Aquele jeitinho sutil de pedir um elogio.
10- Como ficam lindas quando discutem.
11- O modo que tem de sempre encontrar a nossa mão.
12- O brilho nos olhos quando sorriem.
13- Ouvir a mensagem delas na secretária eletrônica logo depois de uma briga horrível.
14- O jeito que tem de dizer “Não vamos brigar mais, não..”
15- A ternura com que nos beijam quando lhes fazemos uma delicadeza.
16- O modo de nos beijarem quando dizemos “eu te amo”.
17- Pensando bem, só o modo de nos beijarem já basta.
18- O modo que têm de se atirar em nossos braços quando choram.
19- O jeito de pedir desculpas por terem chorado por alguma bobagem.
20- O fato de nos darem um tapa achando que vai doer.
21- O modo com que pedem perdão quando o tapa dói mesmo (embora jamais admitamos que doeu).
22- O jeitinho de dizerem “estou com saudades”.
23- As saudades que sentimos delas.
24- A maneira que suas lágrimas tem de nos fazer querer mudar o mundo para que mais nada lhes cause dor.

Coleção de 2 anos da revista HISTÓRIA VIVA para download


Segue os links das 24 edições:

sexta-feira, março 09, 2007

Origem do Dia Internacional da Mulher

01 - Origem do Dia Internacional da Mulher

O dia 8 de Março é, desde 1975, comemorado pelas Nações Unidas como Dia Internacional da Mulher.

Neste dia, do ano de 1857, as operárias têxteis de uma fábrica de Nova Iorque entraram em greve ocupando a fábrica, para reivindicarem a redução de um horário de mais de 16 horas por dia para 10 horas. Estas operárias, que recebiam menos de um terço do salário dos homens, foram fechadas na fábrica onde, entretanto, se declarara um incêndio, e cerca de 130 mulheres morreram queimadas.

Em 1903, profissionais liberais norte-americanas criaram a Women's Trade Union League. Esta associação tinha como principal objetivo ajudar todas as trabalhadoras a exigirem melhores condições de trabalho.

Em 1908, mais de 14 mil mulheres marcharam nas ruas de Nova Iorque: reivindicaram o mesmo que as operárias no ano de 1857, bem como o direito de voto. Caminhavam com o slogan "Pão e Rosas", em que o pão simbolizava a estabilidade econômica e as rosas uma melhor qualidade de vida.

Em 1910, numa conferência internacional de mulheres realizada na Dinamarca, foi decidido, em homenagem àquelas mulheres, comemorar o 8 de Março como "Dia Internacional da Mulher".


02 - E Deus criou a Mulher

Todo mundo, quando está chegando o dia em que se convencionou ser o Dia Internacional da Mulher, lembra-se de homenagear uma mulher que por algum motivo se destacou na sua classe.

Só por ser uma data escolhida entre tantas, a gente se lembra do sexo belo, porque frágil ele não é mais. Na verdade, o que seria da vida se não existissem as mulheres. O mundo perderia o seu colorido, a vida não teria mais encantos.

No passado, os menestréis qualificavam-na como musa inspiradora, criatura divina e encantadora, objeto de seus sonhos mais belos.

Entretanto hoje as coisas mudaram um pouco, pois elas passaram a ser muito mais práticas e objetivas. Temos que cair na realidade, as meninas agora são pessoas iguais, tanto nos seus direitos como no desempenho prático da vida.

Vejamos o seu caso minha querida. Você é ativa e despachada, mas é também linda e sedutora. Sua feminilidade aflora desde os seu lindos cabelos, e desce até os seus pezinhos mimosos.

Não tem como encará-la como uma simples representante do sexo oposto. Pois é na verdade a encarnação de tudo o que há de mais belo. Sendo assim, quero homenageá-la como um sonho de grandeza de Deus, que a criou para completar a minha vida, para fazer-me feliz.