Archipo.Wilson. Tecnologia do Blogger.

quinta-feira, setembro 17, 2009

Senador João Pedro em Coari

Segundo o Twitter do Senador João Pedro o mesmo estaria saindo para o aeroporto com destino a Manaus, onde atenderia em seu gabinete e depois pegaria o vôo para Coari, onde visitaria a Universidade Federal do Amazonas (UFAM) e o Instituto de Tecnologia (IFET).

terça-feira, setembro 15, 2009

Coari terá preço mais justo para a castanha-do-brasil

O Encontro teve como objetivo discutir políticas públicas para a cadeia produtiva da castanha

Discutir uma política pública para a cadeia produtiva da castanha, aumentar a produtividade e garantir um preço justo aos produtores e coletores de castanha do Médio Solimões (AM). Estes foram os temas abordados no 1º Encontro de Castanheiros de Coari (AM), realizado no último fim de semana. O evento contou com a presença do presidente do Sindicato e Organização das Cooperativas do Estado do Amazonas (OCB/AM), Petrucio Magalhães Júnior.

De acordo com superintendente da Companhia Nacional do Abastecimento (Conab), Thomaz Meireles, que também participou do evento, a intenção foi mostrar aos extrativistas que eles não estão mais desamparados. “Apresentamos propostas concretas para o aumento da produtividade por meio do fomento e também oferecemos alternativas para garantir melhor preço ao produtor", afirmou o superintendente, referindo-se ao fato de o município ter sido incluído em políticas do governo para incentivo a produção e comercialização do produto.

Antes, os extrativistas vendiam o hectolitro ao preço que variava de R$ 25,00 a R$ 30,00, agora, o preço atingido será de R$ 52, garantindo um ganho de 58% a 28% a mais do que era vendido. “São conquistas que fazem a diferença na obtenção de melhorias e na qualidade de vida do castanheiros. Nossa preocupação é proporcionar capacitação destas pessoas, para que tenham condições de competir”, ressaltou Magalhães Júnior.

Um outro ponto abordado durante o encontro foram alternativas apresentadas pelo Instituto de Desenvolvimento do Amazonas (Idam) para o beneficiamento da castanha, o que agregará valor aos produtos, criando oportunidades de empregos a outras pessoas dentro do município, fazendo com que diminua o êxodo rural. “É importante manter os municípios do interior fortes para que possam gerar emprego e renda e promover a inclusão social, fazendo com que outros setores da economia do município possam se fortalecer, a exemplo do comércio e a área de serviços”, afirmou o dirigente da OCB/AM.

Também estiveram presentes os representantes do Conselho Nacional dos Seringueiros, Manoel Cunha, do Banco do Brasil, Lucyene Júnior Idam, Marildo Ximendes e Nadiele Pacheco.

Google domina quase 30% do tempo online do Brasil

O Brasil está entre os países que mais gasta seu tempo online em sites do Google. Pesquisa feita pela comScore divulgada nesta segunda-feira, 14/09, revela que em julho o país teve o maior índice de acesso aos serviços da empresa, com 29,8% do tempo online voltado para o Google.

A pesquisa incluiu todas as páginas do gigante de buscas, desde serviços de vídeo, redes sociais, e-mail e mapas. O levantamento realizado em julho foi focado nos mercados emergentes do Brasil e Índia. O índice brasileiro de tempo de navegação nos sites foi três vezes maior que a média de outras localidades.

O estudo também aponta que 89,5% das buscas feitas no Brasil são capturadas por sites do Google. O Orkut, como era de se esperar, continua sendo a rede social preferida dos brasileiros. Entre o tempo destinado aos sites de relacionamento, o serviço do Google ficou com 96% do tempo dos internautas. O serviço de mapas teve 70,9% e o de vídeos, YouTube, ficou com 91,6%. Já o Gmail ficou em segundo lugar em julho entre os sites de correio eletrônico, com 9,7% de participação.

segunda-feira, setembro 14, 2009

Polícia Federal prende ex-prefeito de Coari (AM) suspeito de exploração sexual

14/09/2009 - 16h22

da Agência Brasil

O ex-prefeito de Coari (AM) Adail Pinheiro (PMDB) foi preso pela Polícia Federal na manhã desta segunda-feira, em Manaus. Ele foi denunciado pelo Ministério Público do Estado por exploração sexual infanto-juvenil e favorecimento à prostituição.

Segundo o superintendente da PF no Amazonas, Sérgio Fontes, a ordem de prisão foi expedida pela juíza Ana Paula Braga, da 2ª Vara de Justiça de Coari.

Pinheiro foi preso em casa na capital amazonense e se entregou sem reação, segundo Fontes. Ele está detido na sede da PF, mas pode ser transferido para uma cela comum em cadeia pública.

O subprocurador geral de Justiça do Ministério Público do Amazonas, Edílson Queiroz Martins, disse que a prisão de Pinheiro foi cautelar.

"Essa prisão aconteceu para garantir a instrução criminal. O acusado estava se furtando a responder aos atos processuais e por isso foi detido para que, eventualmente, não venha a sabotar as provas", disse Martins.

O advogado do ex-prefeito, Alberto Simonetti, confirmou que a prisão aconteceu em caráter preventivo e informou que entrará nas próximas horas com um pedido de habeas corpus. "O ex-prefeito sempre esteve à disposição da Justiça. A prisão é preventiva e vamos analisar o procedimento", afirmou.

Pinheiro foi prefeito do município por duas vezes. O segundo mandato encerrou no fim do ano passado.