Archipo.Wilson. Tecnologia do Blogger.

sábado, dezembro 04, 2010

Código Q Completo - Rádio

   .:: Código Q ::. 

  Q.A.P ::: na escuta
  Q.A.R ::: desligar
  Q.R.N ::: interferência
  Q.R.A ::: nome do operador
  Q.R.L ::: estou ocupado
  Q.R.M ::: interferência humana
  Q.R.Q ::: transmita mais depressa
  Q.R.S ::: transmita mais devagar
  Q.R.T ::: fora do ar
  Q.R.U ::: tens algo para mim
  Q.R.V ::: as suas ordens
  Q.R.X ::: aguarde
  Q.R.Z ::: fale quem chamou
  Q.S.A ::: como está recebendo
  Q.S.L ::: entendido
  Q.S.M ::: está ouvindo
  Q.S.O ::: comunicado aviso
  Q.S.P ::: fazer ponte
  Q.T.C ::: mensagem
  Q.T.H ::: endereço
  Q.T.R ::: horário exato
  Q.T.U ::: horário
  Q.T.A ::: última forma
  Q.S.V ::: viatura
  Q.S.D ::: motorista
  Q.S.J ::: dinheiro
  T.K.S ::: obrigado

Ministério Público afasta promotor denunciado por prática de extorsão pelo prefeito de Coari


Manaus - Após uma reunião do Conselho Superior do Ministério Público, composto por 7 procuradores de justiça , na última quinta-feira, dia 02 de dezembro, ficou decidido por unanimidade que o promotor de justiça, David Evandro da Costa Carramanho ficará afastado por 60 dias do cargo, de acordo com a lei complementar 011-93, por conveniência para a apuração dos fatos ou para assegurar a tranquilidade pública de acordo com o artigo 147 da lei orgânica do MP.
O ato de afastamento do promotor foi assinado pelo Sub-Procurador para Assuntos Jurídicos e Institucionais Pedro Bezerra Filho. Carramanho é acusado de extorsão pelo prefeito de Coari, Arnaldo Mitouso. O prefeito acusa o promotor de pedir R$ 400 mil reais para evitar que ele propusesse uma declaração de improbidade administrativa.

Por conta da denúncia, foi instaurado um procedimento investigatório criminal por parte do MP que enviou uma comissão . A comissão, presidida pelo Procurador de Justiça João Bosco Valente, colheu informações que darão início a investigação. Uma fita contendo o teor de algumas conversas também está de posse da comissão. A princípio, os trabalhos terão duração de 60 dias. Paralelamente a isso, uma outra comissão também apura se houve violação de dever funcional por parte do promotor acusado. Se for considerado culpado, Carramanho poderá sofrer sanção que vai desde uma advertência à eventual perda do cargo. "Lamenta-se o fato, mas denúncia não se despreza, nem se superdimensiona, investiga-se. Lembrando que milita sempre em favor de qualquer acusado porque nos valemos da presunção de inocência, ou seja, ninguém será considerado culpado até a sentença condenatória definitiva", disse o Procurador-Geral de Justiça, Francisco Cruz.

Entenda o Caso

No dia 9 de novembro deste ano, o prefeito de Coari, Arnaldo Mitouso, compareceu ao gabinete da Corregedoria-Geral do Ministério Público do Amazonas e relatou que havia sido procurado pelo promotor Carramanho. Na conversa com o promotor, a princípio sobre o atraso no pagamento dos funcionários da prefeitura de Coari, Carramanho teria cogitado ingressar em juízo com uma ação para o afastamento de Mitouso do cargo e também para o bloqueio das contas da Prefeitura. As declarações de Arnaldo Mitouso dão conta ainda de que entre vários encontros, inclusive com o irmão do Prefeito, que é Secretário de Finanças da Prefeitura de Coari, Carramanho teria pedido por várias vezes a quantia de R$ 400 mil reais para não ajuizar as denúncias de improbidade administrativa. Segundo as declarações do Prefeito, dias depois, como não recebeu o dinheiro, o promotor deu entrada nas ações.

 Fonte: www.d24am.com

sexta-feira, dezembro 03, 2010

Justiça cassa o mandato do Prefeito de Maués, Miguel Belexo

A assessoria Jurídica da Prefeitura está avaliando a situação para tomar providências no sentido de recorrer da decisão.
Manaus - O prefeito de Maués, Odivaldo Miguel de Oliveira Paiva (PR), mais conhecido com Miguel “Belexo”, foi cassado na tarde desta quinta-feira pela 5ª Vara Eleitoral da cidade, localizada 356 km de Manaus. Além do prefeito, o seu vice Deni Dorzane também foi afastado.

Quem assume o posto interinamente será o presidente da Câmara Municipal de Maués, Miguel Gonçalves, que faz parte do grupo político do atual prefeito.

O motivo da cassação alegado foi “abuso de poder econômico”. A decisão ainda cabe recurso. Em nota oficial, a assessoria de Belexo informou que o prefeito já está ciente da decisão. Também foi informado que a assessoria Jurídica da Prefeitura está avaliando a situação para tomar providências no sentido de recorrer da decisão.
 
Fonte:  www.d24am.com

quinta-feira, dezembro 02, 2010

WikiLeaks: a semana em que os hackers dominaram as manchetes

Wikileaks
Informações reveladoras vieram à tona por meio do vazamento de 251.287 telegramas de embaixadas estadunidenses por todo o mundo, o que consiste no maior vazamento de documentos confidenciais da história.
As publicações colocam diplomatas em situações embaraçosas e, na opinião do linguista e filósofo estadunidense Noam Chomsky, revelam o “profundo ódio pela democracia” por parte do governo dos EUA. O responsável por toda esta crise diplomática é o site WikiLeaks, um serviço especializado em centralizar vazamentos de informações confidenciais de governos e empresas.

Wikileaks

O site Wikileaks.org é uma organização independente, sem fins lucrativos e transnacional, hospedado na Suécia. Foi lançado em dezembro de 2006 e seu fundador e principal diretor é o jornalista, ex-hacker e ciberativista australiano Julian Assange. Apesar de a página levar o termo “Wiki”, ela não se encaixa neste padrão, pois não permite que todos os usuários façam modificações em seu conteúdo.
Antes de ficar famoso por desnudar uma face obscura da política externa dos EUA, o site e seu fundador ganharam prêmios ligados a novas mídias da revista britânica The Economist e da Anistia Internacional. O Mashable apontou o WikiLeaks em junho deste ano como o serviço mais inovador da tualidade no que diz respeito à publicação de notícias.

A primeira grande revelação: chacina no Iraque

Em 5 de abril de 2010 o WikiLeaks divulgou um vídeo confidencial do exército dos EUA, no qual pelo menos 12 civis são cruelmente assassinadas por militares em um helicóptero Apache. A chacina ocorreu em julho de 2007 em um subúrbio de Nova Bagdá, e entre os executados estão dois funcionários da agência de notícias Reuters.
Para saber mais, acesse o Collateral Murder, página especial com o vídeo e informações ligadas a este fato divulgados pelo WikiLeaks. AVISO: o vídeo contém cenas de violência e é inapropriado para menores de idade. Assista a ele por sua conta e risco.

Registros de guerra

Os outros dois grandes vazamentos do WikiLeaks ocorreram nos dias 25 de julho e 22 de outubro de 2010, com a revelação de registros e documentos ligados às guerras do Afeganistão e do Iraque. Mais de 400 mil documentos que compreendem boa parte da guerra são publicados e detalham inúmeros eventos que ocorreram no país médio-oriental.
No site Diary Dig você encontra todos os vazamentos relacionados aos registros das guerras do Iraque e do Afeganistão.

Cablegate e a crise diplomática

O episódio da liberação de mais de 250 mil comunicações confidenciais realizadas entre as embaixadas estadunidenses foi apelidado pelo WikiLeaks de “cablegate”. “Cables” (ou cabos, em português), é como são conhecidos estes tipos de mensagens. Os documentos falam de diversos países e líderes, e expõem membros do governo dos EUA em ações que beiram a espionagem.
As opiniões contidas nos telegramas colocaram os diplomatas em situações embaraçosas nos países em que se encontram e levaram figurões do alto escalão do governo Barack Obama e se retratarem com países com os quais os EUA mantêm relações. O material, contudo, está disponível na web e seus desdobramentos podem ser vistos na imprensa, na blogosfera e na opinião de políticos e intelectuais ao redor do planeta.
Acesse também o comunicado à imprensa do Cablegate e as milhares de publicações vazadas pelo site. A página contém materiais em português.

China vs. Google

Um exemplo de revelação feita pelo WikiLeaks e que chama a atenção dos estudiosos da Internet é o embate entre a Google e o governo chinês. Segundo dados revelados pelos vazamentos do último final de semana, o site de busca foi hackeado a mando de Pequim. O Google China teria sido atacado por funcionários do governo especializados em segurança.

As reações

O governo dos EUA, além de se manifestar publicamente para amenizar os efeitos da crise diplomática causada pelas revelações do WikiLeaks, promete investigar criminalmente o caso.  O jovem militar Bradley Manning, 23 anos, ex-analista de inteligência do exército estadunidense, está preso e é um dos principais acusados pelo vazamento das informações.
Nas costas de Manning ainda pesam outras acusações: a vazar o vídeo em que uma dezena de civis iraquianos é assassinada e de ter baixado em seu computador mais de 150 mil documentos do Departamento de Estado, além de ter passado adiante parte deste montante.
Assange – o criador do site – já tem um mandado de prisão expedido em seu nome na Suécia por um suposto crime sexual, mas a importância de sua prisão parece ter aumentado devido à repercussão dos vazamentos. Ninguém sabe do seu paradeiro, mas ele pode ser preso em qualquer um dos 188 países-membros da Interpol.
Nos últimos dias o site WikiLeaks.org ficou fora do ar e muito se especulou sobre o fato. Um cracker assumiu a autoria do ataque, alegando em uma conta no Twitter que as revelações feitas pelo site colocaram em risco as relações dos EUA com outros países e também a vida de soldados do país.
O serviço estava armazenado no servidor da empresa de venda online Amazon, que cedeu às pressões do governo estadunidense e expulsou o WikiLeaks de seus domínios. Ao que tudo indica, o site agora está no servidor sueco Bahnof, famoso por funcionar dentro de um bunker subterrâneo e por ser à prova de ataques nucleares.
Além disso, o congressista republicano Peter King incitou o governo Barack Obama a classificar o WikiLeaks como uma “organização terrorista estrangeira”. Para ele, o serviço criado por Assange representa um perigo real à segurança nacional dos Estados Unidos e se enquadra nos critérios do país para definir se uma organização é terrorista.
Em contrapartida, Kintto Lucas, vice-ministro do Exterior do Equador, ofereceu residência a Assange. Segundo Lucas, o fundado do WikiLeaks poderia dar palestras sobre seu trabalho, além de se radicar no país sul-americano. O Equador, juntamente com Venezuela, Cuba e Bolívia, é parte de um grupo de países latino-americanos que faz forte oposição às políticas de Washington. Os quatro países são citados diversas vezes nos documentos vazados no último domingo.

Próxima vítima é um grande banco

Em entrevista publicada na revista Forbes desta segunda-feira, Julian Assange afirma que o “próximo alvo” é um grande banco dos Estados Unidos. Em outra entrevista, esta em 2009 para o Computerworld, o fundador do WikiLeaks afirmou que o site possui cinco gigabytes do disco rígido do computador de um executivo do Bank of America.
Na recente entrevista à Forbes, Assange não quis revelar o nome do banco, afirmando que os vazamentos publicados no site são minuciosamente analisados antes de irem ao ar. Ele ressaltou ainda que espera que as revelações sobre o banco, que serão feitas a partir do início de 2011, gerem investigações.
. . . . .
Nunca a internet havia sido palco de revelações tão grandes, o que, definitivamente, mostra o seu poder. O WikiLeaks revelou-se inovador não somente no jeito como dá a notícia, mas também no conteúdo de suas publicações.
Os vazamentos indicam que mesmo com o fim da Guerra Fria, espionagens e interferência estrangeira continuam ocorrendo não só na América Latina, mas em várias partes do mundo. O material disponibilizado no site criado por Julian Assange deve servir de matéria-prima para muitos estudos e publicações ao longo dos próximos anos, o que nos resta é aguardar.
Não deixe de registrar nos comentários a sua opinião a respeito da WikiLeaks e de seus vazamentos.

Fonte: Baixaki

Como saber se você foi Hackeado

hacker22 Como saber se você foi Hackeado
Como vou saber se fui Hackeado? como saberei se realmente estou na pagina do meu banco, e não numa pagina falsa?
Por muitas vezes já tive que responder esse tipo de pergunta, infelizmente existem várias técnicas que não são nem muito sofisticadas e com simples comandos fazem tudo “por debaixo dos nossos narizes”, estou republicando sobre esse assunto, tendo em vista que ah muito a ser abordado.
A primeira coisa que você tem que saber que toda pagina que exija senha ela tem que estar com protocolo “Https”, localizada na barra de endereços do seu navegador, junto ao um “cadeado” que vai aparecer no seu navegador, clicando nele devera até exibir o certificado do servidor.
O problema que as vezes a gente acessa a pagina do banco e acaba sendo redirecionado para uma pagina Falsa, conhecido como “Site-Clone”, esse site clone, tem como objetivo usar uma técnica chamada de Phishing, que é justamente o roubo de nossas informações pessoais.
Existem duas maneiras básicas de um Hacker lhe redirecionar para uma pagina falsa, a primeira delas é modificando os Servidores Dns do seu provedor de internet, é algo bem complicado, não acontece muito, mais esse mês os servidores da Virtua foram justamente atacados nesse sentido , inclusive tome cuidado ao usar servidores de Dns de terceiros.
A segunda maneira é quando programa malicioso com esse objetivo infecta a sua maquina, e edita o Arquivo “hosts” em C:\Windows\System32\drivers\etc (caminho padrão), esse arquivo força a troca de nomes para ips, por padrão na instalação do Windows ele vem assim:
hosts Como saber se você foi Hackeado
Quando a edição desse arquivo, o programa malicioso adiciona os sites de vários bancos junto ao um ip onde está hospedado o site clone, exemplo:
  • “xxx.xxx.xxx.xxx www.banco.com.br”
Para resolver esse problema de redirecionamento a pagina clonada basta deletar a linha, ou as linhas em questão com os redirecionamentos e assim os sites entrarão normalmente, isso claro depois de executar um bom Anti-vírus e Anti-spy para remoção dos vírus, e logo depois faça a remoção das linhas.
Normalmente só tem que possuir aquela linha, a não ser que você tenha algum tipo de intranet, então nunca deixe de consultar o seu suporte de Ti.

segunda-feira, novembro 29, 2010

Oração do perdão (O Aleph )


– Lembre-se do Aleph. Lembre-se do que sentiu naquele momento.Palavras, explicações e perguntas não vão servir para nada, apenas para confundir mais o que já é bastante complexo. Simplesmente me perdoe.
– Não sei por que preciso perdoar o homem que amo.
Hilal procura inspiração nas paredes douradas, nas colunas, nas pessoas que estão entrando àquela hora da manhã, nas chamas das velas acesas.
.
– A menina perdoa. Não porque virou santa, mas porque já não aguenta mais carregar este ódio. Odiar cansa.
Não, não era aquilo que eu esperava.
– Perdoe tudo e todos, mas me perdoe – peço. – Inclua-me no seu perdão.
– Eu perdoo tudo e todos, inclusive você. Perdoo porque eu amo você e porque você não me ama. Perdoo porque você me rejeita e o meu poder se perde.
Ela fecha os olhos e levanta as mãos para o teto.
– Eu me liberto do ódio por meio do perdão e do amor. Entendo que o sofrimento, quando não pode ser evitado, está aqui para me fazer avançar em direção à glória.
Hilal fala baixo, mas a acústica da igreja é tão perfeita que tudo o que diz parece ecoar pelos quatro cantos.
– As lágrimas que me fizeram verter, eu perdoo.
As dores e as decepções, eu perdoo.
As traições e mentiras, eu perdoo.
As calúnias e as intrigas, eu perdoo.
O ódio e a perseguição, eu perdoo.
Os golpes que me feriram, eu perdoo.
Os sonhos destruídos, eu perdoo.
As esperanças mortas, eu perdoo.
O desamor e o ciúme, eu perdoo.
A indiferença e a má vontade, eu perdoo.
A injustiça em nome da justiça, eu perdoo.
A cólera e os maus-tratos, eu perdoo.
A negligência e o esquecimento, eu perdoo.
O mundo, com todo o seu mal, eu perdoo.
Ela abaixa os braços, abre os olhos e coloca as mãos no rosto. Eu me aproximo para abraçá-la, mas ela faz um sinal com as mãos:
– Não terminei ainda.
Torna a fechar os olhos e olhar para cima.
– Eu perdoo também a mim mesma. Que os infortúnios do passado não sejam mais um peso em meu coração. No lugar da mágoa e do ressentimento, coloco a compreensão e o entendimento. No lugar da revolta, coloco a música que sai do meu violino. No lugar da dor, coloco o esquecimento. No lugar da vingança, coloco a vitória.
Serei naturalmente capaz de amar acima de todo desamor,
De doar mesmo que despossuída de tudo,
De trabalhar alegremente mesmo que em meio a todos os impedimentos,
De estender a mão ainda que em mais completa solidão e abandono,
De secar lágrimas ainda que aos prantos,
De acreditar mesmo que desacreditada.
Ela abre os olhos, coloca as mãos na minha cabeça e diz com toda a autoridade que vem do Alto:
– Assim seja. Assim será.